HEMNSL – Hospital Estadual e Maternidade Nossa Senhora de Lourdes

Image

Diretoria


Lista completa de contatos do HEMNSL

Prestação de Contas

Acesse à página de Acesso à Informação referente à OS gestora do HEMNSL

Acesso à Informação da OS

Localização

R. 230, 709 S/N – quadra 709 – Nova vila, Goiânia – GO, 74640-210

O Hospital Estadual e Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (HEMNSL) é uma unidade especializada no atendimento nas áreas de ginecologia e obstetrícia.

Inaugurada em 1970, pela Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), foi ligada à Secretaria de Estado da Saúde de Goiás em 1983. Possui 39 leitos e foi o primeiro hospital público de Goiânia a conquistar o título de Hospital Amigo da Criança, conferido pela UNICEF (Fundo das Nações Unidas para a Infância), no ano de 1999. O setor de serviço social do HEMNSL oferece orientação a respeito de planejamento familiar.

Informações

Leitos
39 leitos (sendo 29 na Obstetrícia e 10 leitos da Unidade de Cuidados Intermediários Neonatal – Ucin).
Recursos Humanos
Especialidades Médicas

Programas

Grupo de Gestantes
Programa de acompanhamento interdisciplinar dirigido às gestantes com palestras, visando orientar e acolher a mãe durante todo o processo da gestação. Todas as mulheres que vivem este momento são bem-vindas para participar dessas atividades que visam esclarecer dúvidas sobre o período gestacional, parto e pós-parto.
Planejamento Familiar
Hospital Amigo da Criança
Comissão de Controle de Infecção Hospitalar - CCIH
Comitê de Investigação de Óbitos Maternos, Infantis e Fetais

Dicas para Mulher e Bebê

Veja os Dez Passos para o Sucesso do Aleitamento Materno
  1. Ter uma norma escrita sobre aleitamento materno, que deve ser rotineiramente transmitida a toda a equipe do serviço.
  2. Treinar toda a equipe, capacitando-a para implementar essa norma.
  3. Informar todas as gestantes atendidas sobre as vantagens e o manejo da amamentação.
  4. Ajudar a mãe a iniciar a amamentação na primeira meia hora após o parto.
  5. Mostrar às mães como amamentar e como manter a lactação, mesmo se vierem a ser separadas de seus filhos.
  6. Não dar a recém-nascido nenhum outro alimento ou bebida além do leite materno, a não ser que tenha indicação clínica.
  7. Praticar o alojamento conjunto – permitir que mães e bebês permaneçam juntos 24 horas por dia.
  8. Encorajar a amamentação sob livre demanda.
  9. Não dar bicos artificiais ou chupetas a crianças amamentadas.
  10. Encorajar o estabelecimento de grupos de apoio à amamentação, para onde as mães devem ser encaminhadas por ocasião da alta hospitalar.

Internato Médico

Orientações
Os interessados em realizar o internato podem ter mais informações sobre o assunto, ligando para a Gerência da Escola de Saúde Pública (3201-3419) ou para o recursos humanos da maternidade (3201-6926).
Documentação
Cerimônia de Acolhimento

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.