Policlínicas Estaduais aderem à campanha Dia A - Goiás veste azul

Unidade do Governo de Goiás reforça conscientização sobre o câncer de próstata e a saúde do homem, proposta ação idealizada pela Secretaria de Estado da Saúde de Goiás

Médico Wilton Pereira profere palestra sobre câncer de próstata, na Policlínica Estadual de Quirinópolis

As Policlínicas Estaduais das Regiões Sudoeste – Quirinópolis, Nordeste – Posse e Vale do São Patrício – Goianésia participaram, na terça-feira (23/10), da campanha Dia A – Goiás veste azul, ação idealizada pela Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), em alusão ao Novembro Azul, mês de conscientização sobre o câncer de próstata e a saúde do homem.

Durante todo o dia, as unidades de saúde do Governo de Goiás realizaram dia atividades para informar, conscientizar e orientar colaboradores, pacientes e acompanhantes sobre a importância da prevenção do câncer de próstata. 

Na Policlínica Estadual da Região Sudoeste, o médico Wilton Pereira (no foto da capa) abordou os sintomas e tratamentos da doença. “A próstata é uma glândula masculina, localizada na parte inferior do abdome, abaixo da bexiga e a frente do reto, envolvendo uma parte inicial da uretra. Tem formato de maçã e produz parte do sêmen, que contém os espermatozoides”, explicou.

A unidade realizou também uma dinâmica chamada Saco Azul, na qual pacientes da Policlínica retiravam uma pergunta para o palestrante. Com a atividade, foi possível esclarecer dúvidas, curiosidades e mitos sobre o tema.

Colaboradores da Policlínica de Goianésia aproveitam intervalo entre atividades para registrarem presença

Goianésia
Na Policlínica da Região do Vale São Patrício, as atividades do Dia A – Goiás veste azul iniciou com a palestra Nutrição x câncer, ministrada pela nutricionista Renata de Carvalho Zacarias Lopes. A profissional falou da importância de hábitos saudáveis, entre eles, a escolha de alimentos que não são prejudiciais à saúde masculina.

A unidade proporcionou ao público interno a palestra Novembro Azul e saúde mental, conduzida pela psicóloga Gleice Antônia Ferreira. Ela ressaltou que é preciso quebrar barreiras e evitar o preconceito em relação a exames periódicos. "É importante falar sobre a saúde do homem e do câncer de próstata. Esse tabu tem sido quebrado, e eles (os homens) estão cada vez mais em busca de uma melhor qualidade de vida”, destacou.

À tarde, os usuários e colaboradores da Policlínica participaram da palestra Conscientização do câncer de próstata, sinais e sintomas, apresentada por alunos do internato da Universidade de Rio Verde (Unirv) – Câmpus Goianésia. Os estudantes abordaram a anomia masculina e demonstraram uma próstata saudável e uma doente. Também reforçaram os principais sinais e sintomas da patologia e alertaram para a importância de procurar atendimento médico, caso apareçam sintomas.

A Campanha Dia A – Goiás veste azul foi encerrada com uma caminhada nas proximidades da Policlínica, com intuito de alertar a comunidade vizinha sobre o Novembro Azul.

Equipe Multiprofissional orientam paciente da hemodiálise sobre Novembro Azul e saúde do homem

Posse
Na Policlínica Estadual da Região Nordeste, a campanha da SES-GO tratou do autocuidado à saúde do homem. A equipe multidisciplinar conscientizou sobre o Novembro Azul. A equipe destacou que fatores socioculturais apontam para a baixa procura pelo serviço de saúde pelos homens. “Por isso, nosso alerta é para que o homem assuma o hábito do autocuidado. Crenças do senso comum fazem com que eles negligenciam a própria saúde”, afirmou a psicóloga Anna Karolina Rodrigues e Silva.

A profissional ressalta que os homens são responsáveis pela maioria de atendimentos de urgência e emergência tratados como graves. “Muitas vezes, são essas as principais portas para o atendimento dessa população”, informa.

Julianna Adorneas (texto e fotos)/Instituto CEM
 

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.