Força-tarefa chega a Catalão no dia 26

A cidade de Catalão, distante 261 km de Goiânia, terá hoje ação Goiás contra o Aedes, deflagrada em Goiás desde o dia 6 de janeiro.A força-tarefa, coordenada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES-GO) e Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás, também está sendo realizada hoje em outras 23 cidades, onde mais de 811 mil imóveis serão vistoriados e uma população de mais de 1 milhão de pessoas será beneficiada com ações de limpeza de focos do mosquito e de educação em Saúde.

“Sem o envolvimento direto do prefeito da cidade durante as ações é impossível vencer o Aedes. Sou médico e pai. Minhas filhas, por exemplo, estão temendo ficar gestantes por conta da ameaça do zika vírus. Temos de estar juntos nessa missão, onde nós aqui de Goiás, saímos na frente, em relação ao Brasil. Eu, em Catalão, também quero dar meu exemplo”, diz o prefeito da cidade Jardel Sebba que esteve em visita às ações de campo. Ele aconselhou moradores e enfatizou que Catalão está com todas as secretarias do município envolvidas na operação.

O secretário de Saúde de Catalão, Clayton Peixoto, comemora porque será divulgado à comunidade, com mais ênfase, hoje, o perigo do Aedes. Ele afirma que na cidade já foi dobrado o quantitativo de agentes de saúde, intensificada ações de limpeza urbana e remoção de entulhos em consonância com a secretaria de Infraestrutura de Catalão. Até o início do ano, o município registrou 16 casos de dengue. “Essa campanha é única no País e estamos empenhados em exterminar o Aedes de nossa cidade”, diz.

A ação Goiás contra o Aedes vem de encontro ao decreto do governo de Goiás que estabeleceu em dezembro de 2015, Estado de Emergência Sanitária no Estado por conta da infestação pelo mosquito Aedes aegypti transmissor da zika, dengue, chikungunya e febre amarela.

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.