IGH implantará sistema SPDATA nos hospitais em Goiás

O Instituto de Gestão e Humanização (IGH) - organização social que administra, em Goiás, o Hospital de Urgências de Aparecida de Goiânia (Huapa), a Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (MNSL) e o Hospital Materno Infantil (HMI) -, implantará nas três unidades um novo sistema de informatização para gerir os hospitais: o Sistema de Gestão Hospitalar (SGH), da empresa mineira SPDATA. O intuito é modernizar e integrar as unidades e seus processos, com ferramentas que possibilitem mais eficiência e qualidade nos serviços ofertados à população. Uma apresentação de como será a implantação e as funcionalidades do sistema aconteceu nesta quinta-feira (21 de janeiro), no auditório do Huapa.

O coordenador do projeto, Jonathan Márcio da Fonseca, explicou que o Huapa será a primeira unidade a ter o sistema implantado. “O Huapa irá consolidar a base de dados que será instalada e todo cadastro será replicado nas demais unidades”, destacou. A informatização de todos os setores das unidades é prioridade no cronograma de implantação do SGH. Com o sistema totalmente informatizado, haverá redução de custos, agilidade no repasse de informações, além da diminuição do uso de papéis nas unidades e a duplicidade de cadastros, visto que a busca do paciente no sistema será fonética e cruzará informações como nome de mãe, data de nascimento, CPF e RG. “Trata-se de um sistema que integrará as áreas administrativas, assistenciais e clínicas. Só haverá um cadastro por paciente para acessar todo seu histórico. O sistema integrado vai evitar retrabalho porque não será preciso fazer um novo cadastro”, ressaltou o coordenador.

Jonathan informou que, em um segundo momento, haverá a implantação do prontuário eletrônico de pacientes, o que irá agilizar o atendimento e os processos internos. Segundo ele, será uma conquista para os profissionais das unidades, assim como a pulseira de identificação de pacientes. “Com o prontuário eletrônico haverá integração entre todos os setores. Não precisará utilizar papéis ou ir até o setor, pois a solicitação para exames, por exemplo, será online”, explicou. “Vamos fazer a implantação gradativa nos setores, sem comprometer o atendimento e a assistência aos pacientes. Mas é de fundamental importância que os coordenadores estejam envolvidos na implantação dos processos”, alertou.

SGH - O sistema é um ERP (sigla em inglês para Planejamento de Recurso Corporativo) que promove excelência na gestão de instituições de saúde. Por ser modularizado e adaptável, é capaz de se adequar perfeitamente aos diversos modelos de gestão, resultando em uma solução efetiva. O sistema propicia o controle de forma inteligente e dinâmica de áreas como atendimento à pacientes, administração, finanças, logística e médica.

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.